domingo, 21 de agosto de 2011

SETIMA ONDA


Mil espelhos reflectem desenganos
As negras pedras carregam o sal azul
As nuvens acomodaram-se a uma lagoa
Que fica para os lados do sul

Um barco parado no cais de espera
Amarras soltas do frio ferro
Uma gaivota adormeceu sem penas
Uma criança chora no meio do aterro

Cheio de penas amarro a alma
Uma saudade arrocha meu peito
Sou um caçador de nuvens breves
Um romântico sem ponta de jeito

Um barco de papel perdido do norte
Roseira plantada num campo de pedras nuas
Uma casa perdida da sua cidade
Um labirinto feito de mil e muitas ruas

O fogo arde sobre o mar a poente
O céu ficou menstruado de espanto
Calaram-se por um instante as andorinhas do mar
Uma mulher tonta vomita o cobranto

Despi as minhas vestes impuras
Desenhei na areia um anjo tristonho
Era negro como o fogo adormecido
Tinha as asas frias e duras de um terrível sonho

Sonhei com o amor verdadeiro
Sonhei com uma árvore vestida de sol
Sonhei que eras a virtude, a perfeição
E encalhei meu barco num longínquo atol

Saltei do barco na procura de terra firme
Vi no horizonte uma tempestade medonha
Corri na procura de um abrigo feito de saudade
Acordei no passar…Da sétima Onda…

61 comentários:

♫*Isa Mar disse...

Lindo seu poetar!
Passando pra te desejar uma ótima semmana, beijos

Simone MartinS2 disse...

Oh! Lindo demais para se comentar, e mesmo que quisesse, nao saberia...deixo aqui meu suspiro...oh! Abraços!

MARILENE disse...

Fiquei feliz por ter deixado uma parte de seu poema em meu blog. Ficará guardado com carinho.
Se chegou a pular a sétima onda, nada está perdido (rss).
Um caçador de nuvens "breves", mas que sonha, nem precisará de terra firme para sobreviver à saudade.

Bjs.

Pat. disse...

É tão bonito o que escreves que as palavras somem da nossa mente...

Um beijo

Maria Dias disse...

Sonhei com o amor verdadeiro
Sonhei com uma árvore vestida de sol.Sonhei que eras a virtude, a perfeição e encalhei meu barco num longiquo atol...
Eu me vi um pouquinho nessa poesia que por sinal ficou linda.

beijinhos

Maria

ELIANA-Coisas Boas da Vida disse...

"Despi as minhas vestes impuras
Desenhei na areia um anjo tristonho
Era negro como o fogo adormecido
Tinha as asas frias e duras de um terrível sonho"

SOU AMANTE DA POESIA ADORO LER OS ESCRITOS DOS POETAS QUE ESCREVEM COM O CORAÇÃO NA PONTA DO LÁPIS!
BOA SEMANA!

Solange disse...

retribuindo sua visita em meu parole..
teu poema tem palavras garimpadas, que unidas formam esta jóia que acabei de ler..

bjs.Sol

lua prateada disse...

Lindo sempre grande POETA........e quando nos despimos das vestes impuras que mais pode ficar senão a nudez da pureza pura...?
Feliz semana
Bjito
SOL

isa disse...

Quanta beleza e musicalidade nos teus Poemas!
Estou em falta contigo,meu Amigo e meu Poeta!
Sei e ñ gosto. Porém estou bastante doente,mas já em tratamento.
Desculpas?
Beijo.
isa.

Milhita disse...

Disse-me o meu pai um dia, ser a setima a mais forte e eu, na calmaria dos meus sentidos, sedenta de um horizonte que nunca via, quedava-me de pés descalços e contava-as, uma a uma, buscando a força e, outra calmaria.
Como sempre. lindo o que escreves!

celina vasques disse...

Tua sabedoria e inspiração com certeza é transcendental!
São os anjos que te inspiram e esse marzão que fica em teu habitat pois ELE é DEUS!
Pra mim tu és o maior de todos os POETAS!
Um carinho enorme pra ti e beijos de ternura!

Sandra Botelho disse...

São lindos teus poemas.Bjos achocolatados

Angel disse...

por vezes é difícil sir desse..andar a deriva...com sempre um gosto ler-te...beijinhos

Anne Lieri disse...

Profeta,quanto tempo não te visito!Sempre uma poesia profundamente bela!Gostei demais!Bjs e boa semana!

Rosi Alves... disse...

Lindo demais deus abençõe semana de paz!

Aquarela disse...

Saltei do barco em procura de terra firme... quantas vezes temos de arriscar, quantas vezes temos de enfrentar as tempestades... o tempo dos sonhos é como o tempo da vida... não pára nem volta atrás... pelo sonho é que vamos...e muitas vezes, a primeira coisa que temos de fazer para os concretizar é acordar, como o profeta vez na setima onda!

Maravilhoso poema...

.•°•. Nancy .•°•. disse...

*** Tout simplement un grand merci pour ton commentaire fait de poésie ! :o) BISES et bonne soirée ! :o) ***

Καλλιόπη . . . disse...

Obrigada por passar lá no blog! ^^
Gostei do poema...

Bjus

Maria disse...

Como sempre amigo poeta um poema lindissimo.
Aproveito para agradecer o poema que deixou no meu humilde cantinho, irei publicar hoje com os devidos créditos.
Boa semana
Beijinhos
Maria

Carla Fernanda disse...

LInda reflexão acorda para amar.
Beijos e boa semana!
Carla

Nana disse...

Olá Profeta,

Poema contando a desilusão de um homem apaixonado. Lindo e triste ao mesmo tempo.

Obrigada pela visita e pelos versos deixados.

abçs

Nana disse...

Olá Profeta,

Poema contando a desilusão de um homem apaixonado. Lindo e triste ao mesmo tempo.

Obrigada pela visita e pelos versos deixados.

abçs

Ana Tapadas disse...

Muito interessante do ponto de vista semântico.

bj

Vanuza Pantaleão disse...

Profeta, que saudade...

Sempre acordamos quando a sétima onda passa, por que será?

Mágico e lindo como sempre...
Beijos!!!

cidinha disse...

Olá, amigo. Passando por aqui, para agradecer a sua visita. Olha, estou encantada com seus belos poemas! Como é bom sonhar, ir além mar até as nuvens.. Adorei sua visita e também por ter deixado parte do seu poema. Obrigada pelo lindo presente! Grande abraço!

FabiolaTeles disse...

Lindo post!!
Fabiola.
http://blogencontrandoideias.blogspot.com/

Maria José Rezende disse...

Olá Poeta. Você faz juz ao seu nome. Lindos poemas. Cada um melhor que o outro. Parabéns. Grande abraço.

Sonia Pallone disse...

Lindo, tudo o que você posta e transmite. Bjs.

shan-Tinha disse...

aqui se inspira e se transpira poesia de sentimentos profundos! há muito o que refletir! obrigada pela gentil visita! Parabéns pelo espaço!
bom dia todos os dias!

Lindalva disse...

Vim retribuir o beijinho e te desejar uma semana de Luz. Breve entro de férias e deixo aqui meu aroma no ar para que não esqueças da sereia. Smackssssssssssssssss

.•°•. Nancy .•°•. disse...

*** En ce mardi matin je dépose chez toi un petit coucou accompagné de gros bisous ! :o) ***

OZNA-OZNA disse...

infinitas gracias sensible poeta por regalarnos la belleza y sensibilidad de tus letras, un besin de esta amiga asturiana admiradora que sin esperar ser molestia se queda en tu morada para deleitar mi alma con ellas. ¡¡ feliz semana ¡¡¡

Ana Luiza Cabral disse...

Há uma sensibilidade forte com as palavras. Eu sempre gostei de fazer poesias e principalmente de lê-las, é que pra mim a poesia é real, reconheço verdadeiramente que vêm mesmo da alma do autor, e busca muita inspiração. Parabéns, seus poemas encanta e sempre traz algo. Beijo, Ana.

Esplendor da Criação disse...

Olá Profeta.
Obrigada pela visita, me encantei com este blog, com as poesias lindas que escreve. Adorei, volte sempre, bjs.

Adriana Vargas de Aguiar disse...

Infinita sabedoria!

Confira os livros da promoção de setembro - serão 16, só para vocês! Quanto mais comentarem o blog, mais chances terão de ganhar, pois o sorteio será feito através dos números de comentários; trazendo mais alguém para fazer parte de nosso quadro de seguidores, aumenta as suas chances em ganhar, pois se esta pessoa for sorteado, você, como indicador, levará também um livro!

She disse...

Oie! Caramba, fazia tempo que eu não vinha por aqui... :( Adorei a sua visita lá no meu Cantinho e as suas palavras! Amei o poema! ;)
E dei uma espiadinha por aqui, estava com saudades!
Beijo, beijo
She

beth disse...

Olá,vim agradecer a visita e tb a poesia q deixou!!!Volte sempre pois será sempre bem vindo!bjks e boa semana

Sopro Vida Sem Margens disse...

...ah poeta que (me) és tanta coisa arrochada nesse teu peito. Aperto dos pulmões desses teus sonhos que te são estúdios reflectidos nas cortinas num lugar lá-longe, onde a criança chora acomodada no meio-da-noite caida,segurando a pena da gaivota que partiu, nos braços do caçador de nuvens breves, que se diz romântico sem ponta-de-jeito...

ah o fogo arde e o céu (a)menstruado se espanta ... pois então!!


Trago-te beijinhos na sétima onda
toma...são para Ti!

Sandra Portugal disse...

Profeta, amanhã, 24/08, o Blog Projetando Pessoas completa 1 ano de existência! Sua amizade fez a diferença nesse período! Espero você para um brinde!
bjs Sandra
http://projetandopessoas.blogspot.com//

Cida disse...

Obrigada pela visita carinhosa.
:)

PAZ & LUZ!

Abraço,

Cid@

Vanessa disse...

Porque não aproveitou para pulá-las?!

Beijos

oteudoceolhar disse...

“Um romântico sem ponta de jeito…”
Magnifico de grande grande beleza, este sentir de palavras, acompanhado de forma sulblime por uma música que nos leva a navegar por mares nunca dantes navegados…tal como estes poemas o são. Cheguei aqui através do blog da Secreta, e fiquei primeiro a ouvir, depois a contemplar, depois a ler. A foto da carrasqueira está magnifica, aliás tudo lá tem uma imensa beleza. Ser Poeta é de facto ser mais alto…
“Sonhei com o amor verdadeiro…” , como é bom sonhar.

Beijo n´oteudoceolhar.

Bandys disse...

Como sempre lindo.

Beijos

Andressa C. disse...

:)

♥♥♥Ani♥♥♥ - Cristal disse...

Oi querido


Vim agradecer a visita e dizer que amei o poema.
Lindo!

Beijos
Ani

GarçaReal disse...

Os espelhos por vezes desencadeiam os escombros da alma outras porém mostram o brilho que parecia desvanecido.

Belo

bjgrande do lago

ETERNA APAIXONADA disse...

Tanto tempo sem vir aqui e o Profeta continua a nos encantar!
Agradeço também sua visita ao Reflexões de Nós, blog que participo.
Fica bem!
Abraço,
Helô Spitali

JAN disse...

OLÁ! VIM AGRADECER SUA VISITA AO 'SOBRE RODAS'E TAMBÉM PORQUE SEU COMENTÁRIO ME INTRIGOU.

VINDO AQUI E LENDO SEUS POEMAS, ATREVO-ME A DIZER QUE CONSIDERO-O INTENSO, PROFUNDO E TALENTOSO. ESTOU CERTA?

ABRAÇO
JAN

.•°•. Nancy .•°•. disse...

*** Petit coucou sur ton blog ! :o) passe un bon jeudi ! GROS BISOUS ! :o) ***

isa disse...

Bom dia,meu Amigo.
Em podendo dê um saltinho ao Momentos.
Beijo.
isa.

Fernanda disse...

Chego cá pela mão da amiga Isa!
Gostei da sua poesia, lá como cá.

Tenho uma amiga especial que diz "
É provável que pensem que estou doente
Por acreditar no poeta.
Doente vou ficar
Se nã acreditar no sonho materializado
Nas palavras do poeta."

Beijinho

Ane disse...

Adorei voltar aqui!

Ana Martins disse...

Boa noite Profeta,
Depois de uma longa ausência, cá estou eu de novo a passear pelo seu espaço e a apreciar a sua poesia. Vi que é o homenageado desta Quinta da nossa amiga Isa, e vim cá antes que me esquecesse.

PARABÉNS!

Beijinho,
Ana Martins

Sandra disse...

Vi a Homenagem que a Isa fez para ti. Parabéns. É sempre muito bom termos alguém e nos prestigiar.
Carinhosamente agradeço a sua visita.

Sabe, já faz tempo
Que eu queria te falar
Das coisas que trago no peito

Saudade, já não sei se é
A palavra certa para usar
Ainda lembro do seu jeito

Não te trago ouro
Porque ele não entra no céu
E nenhuma riqueza deste mundo

Não te trago flores
Porque elas secam e caem ao chão

Te trago os meus versos simples
Mas que fiz de coração.

Sandra Botelho disse...

Te envolvo, te alcanço e te laço!
Te arranho e acolho em meus braços...
Te faço pensar que sou tua,
Vestida, semi ou completamente nua!
Te enlouqueço quando te toco,
Faço de mim teu maior foco.
Sou fêmea, gêmea perdida...
Sou menina mulher parida!
Me enrosco em teus pensamentos...
Sei ser teu riso e lamentos.
Te enlaço em minhas pernas e seios!
Bjos achocolatados

。♥ Smareis ♥。 disse...

É um dos poemas mais lindos que leio hoje.Se você conseguiu passar sétima Onda, no próximo sonho realiza seus desejos.Obrigada pelo poema que deixou no comentário. Deixe quantos quiser amo ler o que escreve.Um beijo e ótimo fim de semana!
Smareis

Livinha disse...

E asim foram os sete dias perante realidade aos teus sonhos...

Belíssimo poema profeta.

Bom te ler.

Feliz domingo

Abraços

Livinha

Kátia disse...

"Corri na procura de um abrigo feito de saudade ..."

Deliciosas palavras!Como sempre O profeta amigo de todas nós tem a magia da escrita nas mãos e vai encantando com as palavras cada vez mais e mais a cada post.

Eu senti...mais uma vez!

Beijo precioso.

ONG ALERTA disse...

Sempre forte em suas palavras, beijo Lisette.

Chriis * disse...

"Sonhei com o amor verdadeiro. Sonhei com uma árvore vestida de sol. Sonhei que eras a virtude, a perfeição e encalhei meu barco num longínquo atol... Saltei do barco na procura de terra firme, vi no horizonte uma tempestade medonha"
Lindas palavras.! Descreveu exatamente o meu momento.! *.*

Bjos!

S L Sousa Mendes disse...

Só rasgando, perfurando. mergulhando com temeridade e sem receios a "Sétima Onda"... atingiremos/alcançaremos a tão almejada Felicidade...