sexta-feira, 5 de setembro de 2014

RECONHECESTE-ME...



O nosso amor é tão imutável como o Mar
Pensa em mim...
Imagina-me fazendo impossíveis para te apagar da minha alma
Imagina uma buganvília que sobe e floresce sem fim...

...Assim é o que é...
Faz tempo, parece fazer tanto tempo
Pensa em mim com afeto, pensa num estupendo amor
Passas-te, passou-me a vida num segundo, momento

Onde tens vivido neste Mundo
Foste realmente perfeita para mim
Sabes?! Fui sempre guardado por um Anjo
Até que apareceste Tu, até que um principio fugiu ao fim

Aqui neste lugar murmuro teu nome
Vezes sem conta penso, pensa em mim
Nunca me escondi nas sombras
Nunca me esconderei de sentir assim

Sabes?! Quando se instaurou esta tonta guerra
Fiz um balanço da loja do meu coração
Descobri um milhão de sentires
Aluguei casas sem janelas, nem quartos, nem chão...

...Dos quais há a descartar:
7 mil chapéus de abas flexíveis por causa do vento
7 rodas de leme desorientadas de rumo
Uma carta de marear sem sextante nem sol a prumo...

...7 lanternas que desafiaram as mais espessas trevas
7 bússolas que nunca perderam o Norte
Uma esperança que Deus me deu
Que acredito nela por não ser ateu

Um retrato teu
Como uma embriagadora rosa do meu sonhar
Não devemos perder mais este crepúsculo
Não faz sentido esconder o amar

Hoje foi assim quando o dia ia a meio
Nunca a vida ou os desengamos o amor consome
Atravessei uma rua sem que a vida me avisasse
De cabelos presos, vi o meu Anjo...Reconheceste-me!?...

PARA TI QUE PLANTASTE NA MINHA VIDA O MAIS PURO AMOR

4 comentários:

brisonmattos disse...

reconhecí

Janice Adja disse...

Palmas!!!

Janice Adja disse...

Já tentei fazer um balanço friamente no meu coração e sempre sem sucesso.
Beijos!!

choco disse...

vezes sem conta cem vezes
reconheço-te no papel