sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

LONGA TRAVESSIA


Tenho os olhos molhados da chuva
Tenho um sonho preso no fundo de uma lagoa
Tenho uma saudade que rói no meu sentir
Tenho uma saudade que sei ser boa

Hoje pintei mar
Naveguei nas cores que o sal deixou
Sorri sete vezes de contentamento
Até que uma pincelada ao acaso me ensombrou

Lavei a tela em água pura
Ficou azul e perdeu a formosura
Fiz o papel de deus pequenino
E retornei ao tema com a mão segura

Uma demanda!
Esta minha paixão pelas cores
Pintei tanta ilusão na vida
Pintei amor, contradição, dores

Fica estranha uma criatura
Quando convive apenas consigo
Quando olha para dentro de si
Quando vê em si o melhor amigo

Esta cabeça do poeta é um caso sério
Esta força que me força o sentimento
É lava que corre rubra para o mar
É uma paixão em infinito momento

É tambor que toca pela madrugada
É navio abraçado às ondas
Sou um leme que prende o norte
Sou mais uma de tantas criaturas bisonhas

Anjo, demónio, um arlequim mal-pintado
Um homem que alguns acham sortudo
Uma ribeiro desenfreados de sentimentos
Uma comédia de enganos de um filme mudo

Fotograma verdade, fotograma mentira
Holofotes de ausente luz
O amor vence sempre no fim
A paixão a tudo seduz

Hoje deu-me para escrever esta maluqueira
Ainda bem que chegou o fim do dia
Nesta viagem em que procuro o alcanço
Sei que será...Uma longa Travessia...

34 comentários:

Sonhadora disse...

Meu querido Poeta

Tinha saudades de passar aqui...tenho andado afastada...mas valeu a pena para ler a sua alma em palavras.

Beijinhos
Sonhadora

Ingrid disse...

Querido Profeta,
tão linda travessia me encanta..
beijos ..

HSLO disse...

Bonito texto Profeta.

te desejo um ótimo final de semana.

abraços

PRECIOSA disse...

Ah! poeta querido
Bom demais poder participar lendo suas escritas, sempre tão belas
Parecem escritas pelo coração, e ditadas pela alma....
Parabéns, que nessa travessia encontres muita luz....
Abraços carinhoso
Tenhas uma noite regada de muito amor..
Preciosa Maria

Eugenia disse...

A travessia pode ser longa, mas sempre haverá a chegada ao ponto de partida.
Boa noite poeta...

Iara Moura disse...

As mudanças. O amor. A travessia. A poesia. Tudo. A poesia-amor-tudo.
Tenha um bom finde.
Beijos

gaivota disse...

é um rio enorme, cheio de sentimentos!
uma travessia sem fim...
lindo poema, armando!
beijinhos a todos

SILVIA disse...

No hay viaje largo... si al final la meta merece la pena.
Un abrazo!!

Diana Carla disse...

Tão bom ler tão belas palavras!!!

bjinhus e um lindo fim de semana.

Paola Vannucci disse...

Meu amigo estou me atualizando no seu blog

Beijinhos

Paola

SAM disse...

Querido Poeta,

Lindíssimo poema. Sempre emociona pela beleza...

Beijos com carinho e bom domingo.

*Tenho os olhos molhados pelas chuvas e tragédias climáticas no meu país...

Chellot disse...

"Fica estranha uma criatura
Quando convive apenas consigo
Quando olha para dentro de si
Quando vê em si o melhor amigo"

Uma estranha criatura. Quase posso a ver através do espelho.
Beijos doces.

C. disse...

linda semana
palavreando sempre ;)
bjos

PARA DE ME ABANDONAR

Aquarela disse...

Essa força que me força o sentimento... traz-me sempre a este mar...

bjs

Elizabeth F. de Oliveira disse...

Profeta,
você é um poeta que nos ilumina.

Amor omnia vincit.




beijo no coração

Ailime disse...

Profeta (Grande Poeta),
Há muito tempo que não o visitava. Gosto muito do que escreve.
Realço:
"Esta cabeça do poeta é um caso sério
Esta força que me força o sentimento
É lava que corre rubra para o mar
É uma paixão em infinito momento"
Sublime.
Beijjinhos da
Ailime

Malu disse...

Hoje também acordei pintando um mar de todas as cores para deixar a caminhada mais tranquila e edificante.
Obrigada por sempre dividir belos poemas conosco
Deixo-te abraços

Maria José Speglich disse...

Saudade do tempo em que me visitavas!

S L Sousa Mendes disse...

Que bom ser uma "LONGA TRAVESSIA"...
Assim tenho a certeza que continuarei a voar, levitar e sonhar ....com teus Poemas,belos e plenos de sensibilidade!...
A amálgama de cores, retratam-te... A tua alegria de viver... A força, a pujança e energia que de ti imana!...
Continua com as tuas deliciosas "maluqueiras"...."Holofotes de" presente luz.... sabe-lo bem...
Beijo doce
S L

gaivota disse...

venho desejar o grande sucesso na exposição que hoje estará em curso!
que bom!
parabéns, só temos pena de estar do lado de cá do "rio"... senão as portas do mar seria o espaço para esta noite!
beijinhos a todos

BRANCAMAR disse...

Olá Profeta,

Há quanto tempo!

Saudades!

E é de saudade que trata o teu versejar. Uma tela de sentimentos e cores.

A imagem também é lindíssima.

Beijos
Branca

Aмbзr Ѽ disse...

o poema e a figura deixaram-me boquiaberta.

Insana disse...

Lindo poema.
ao fim de tudo nos resta o fim.

bjs
Insana

Sonia Pallone disse...

Boa tarde querido Profeta. Estou de volta, depois de uma longa ausencia, aos lugares que me são caros. Bjs.

Ale_gria disse...

Eiiiii
lindo textoooo
puro sentimento.

Maravilhoso 2011!!!

mia disse...

Gosto infitamenti de sua poesia!!

beijos,Mía,de vuelta a la vida....

gota de vidro disse...

Nessa longa travessia em que és anjo, demónio ou arlequim, deixas escorrer as cores da paleta e do coração rebetam poemas que acompanham o brilho dos holofotes que te iluminam.

Bjito da gota

Olhos de mel disse...

Querido amigo; desejo que essa travessia lhe traga esse amor e que o sonho não fique mais perdido.
Seus versos trazem o encantamento e que ele lhe faça ir em busca da paz e felicidade!
Boa semana! Beijos

Aquarela disse...

Vim procurar novas palavras... e descobri uma nova forma de as ler...

Obrigada
bjs

mARa disse...

Perfeito!

Assim tbm as vezes passo meus dias, e palavras se soltam em loucos devaneios, somos nós poetas, amantes, gentes que sentem...

bjo!

...EU VOU GRITAR PRA TODO MUNDO OUVIR... disse...

Poeta!

Me vi te lendo!

"Fica estranha uma criatura
Quando convive apenas consigo
Quando olha para dentro de si
Quando vê em si o melhor amigo"

Sempre muita beleza em teus poemas!

Um beijo,saudades!

Sonia Regina.

Vanda C. disse...

hoje pintei os olhos
nem todos os dias pinto os olhos
mas quando pinto os olhos
são cores garridas de dentro do olhar
vivas as cores dos meus olhos
mais vivas quando os meus olhos bebem as alquimicas palavras e derramam os sentidos a cores...garridas e vivas
Obrigada!
Vanda

S L Sousa Mendes disse...

Como é bom tornar a partilhar,CONTIGO, esta "LONGA TRAVESSIA"....
Como me delicio a navegar contigo....
Que maravilha acompanhar a lava e com ela mergulhar no teu mar... levada pelo teu ribeiro desenfreados de sentimentos....
Esta maluqueira vertiginosa e estonteante, na procura do alcanço,
numa longa Travessia...
Bem-hajas permitir que te acompanhe em tão bela travessia...
Doce beijo...

S L Sousa Mendes disse...
Este comentário foi removido pelo autor.