quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

A ETERNIDADE E MAIS UM DIA


Chove de mansinho no barro
Frios são os pensamentos neste fim de dia
A ilha escureceu em sobressalto
A bruma envolveu tudo num manto de nostalgia

Os acordes de uma guitarra afagaram meu peito
Um pássaro esqueceu-se de voltar ao ninho
Uma Mãe olha embevecida um catraio
Que acolhe em sua boca um seio que transborda carinho

É uma incontida força o amar
Amor é palavra usada sem preconceito
Umas vezes usada apenas pelo desejo
Às vezes nem eu a sei usar de jeito

Eu não uso a palavra amar
Não sei amar de palavra vestido
Sei apenas que quando amo
Solto o imenso, o todo

Sei lá o que sei!
Parece-me saber muito sem saber porquê
Sei mundo, céus e pequenos infernos
Sei sabendo de olhos cerrados o que a alma vê

As pedras são mesmo pedras
Quando alguém as atira para magoar
As flores são sempre belas
Quando dão cor ao verbo amar

Vou esperar por uma onda que sei
Vir do norte em busca da pedra que sou
Vou esperar pelas buganvílias rubras
Vou sentir o sal da maresia no sítio onde estou…

Numa restinga de negro basalto
Onde as gaivotas fazem ninho
Onde as tempestades adormecem
Onde já vi dois amantes envoltos em carinho

Vou ajudar uma alma aprender a sentir
Uma paixão ganhar cor sem ter companhia
Vou ensinar uma criança pobre a sorrir
E transformar…A Eternidade em mais um dia…

21 comentários:

Alê disse...

Pudêssemos...

Ah, pudêssemos,

Abre o Olho disse...

Ai, ai como faz bem à alma ler seus versos tão suaves... Quem nos dera falar sempre de poesia e amor aos corações amargurados e tristes! Boa noite.

Maria Dias disse...

Belíssimo e tocante seu poema...

Beijos

Célia disse...

Ser companhia, saber sorrir e amar, abraçar almas é o doce viver!
Belo poema! Abraço, Célia.

Anónimo disse...

À eternidades e mais em dia... acompanho a tua poesia.

Angel disse...

Que bom é ler-te e começar desta forma o dia...beijinhos Poeta...

LOURO disse...

Um poema sublime e tocante...
Parabéns!!!

Abraço,
Lourenço

coresdocaminho - Alice disse...

Meu amigo Profeta...
cá estou eu com alma leve e ao meso tempo nostalgica, por ler seus lindos versos.
Bjs e um lindo dia pra voce.

Tété disse...

Não podem ser frios os pensamentos
De quem sente e solta a alma em tal bondade,
De quem perdoa a pedra aos ventos atirada,
De quem sabe o valor da flor dada,
Da intenção de prolongar a Eternidade.
Grande abraço
Teresa

Thays Ferreira disse...

Uma escuridão na simplicidade, que chega a fazer feliz e a encantar. A delicadeza do toque, que chega a prevenir e a continuar. Está de parabéns. Tocou... e trouxe a nostalgia.

OutrosEncantos disse...

tão doce o teu poema, Profeta!

Ana, Aprendiz de Anjo disse...

Passar aqui e ler teus versos é um bálsamo a envolver minh'alma. Beijos

ana costa disse...

Ui amigo! a mim que palavras nunca me faltam para elogiar um bom trabalho... não sei o que dizer!!!
Então fico por esta: AMEI
Um beijo meu amigo

A Luz a Sombra disse...

Há muito tempo que não vinha á sua "casa" Poeta... ou Profeta da Felicidade...!
Intitula-se "Profeta" mas para mim é um poeta que me cria espaços onde me deixo embalar... e voar...!
Abraço

pimentinhabm disse...

qnto tempo nao leio suas belissimas inspiraçoes...
bjo

Ser em construção disse...

Versos que permitem a alma evolar.
Só pra constar.
inté...

Ingrid disse...

Profeta poeta,
mais um dia na eternidade de teus versos..
beijos perfumados..

lua prateada disse...

Vou ajudar uma alma aprender a sentir
Uma paixão ganhar cor sem ter companhia
Vou ensinar uma criança pobre a sorrir
E transformar…A Eternidade em mais um dia…
PARABÉNS AMIGO....ISTO SIM TODOS DEVERIAM FAZER, AFINAL QUE HÁ DE MAIS IMPORTANTE NA VIDA?...
Bjito prateado

SOL

Aquarela disse...

Palavras que dão cor ao verbo amar...um "todo", no meio de pequenos nadas, que vem eternizar a espera... a "onda" que a pedra irá tranformar!

Belíssima eternidade!
abraço

Rosangela Neri disse...

Quando abro seu blog na minha tela fico imaginando palavras e imagens e na tontura das coisas nem sei o que gosto mais.

Outra vez e sem cansaço, parabéns!

Beijinhos.

Labirinto de Emoções disse...

Apenas me apetece dizer que li em 36 linhas uma palavra linda TERNURA!

Um beijinho com ternura